News

IBM faz parcerias para pesquisar e identificar melanomas

A IBM Research anunciou que vai fazer pesquisas com o Melanoma Institute Australia para ajudar no avanço da identificação de melanoma, usando a tecnologia cognitiva. Esta investigação baseia-se em acordos de pesquisas com o IBM Molemap, que utiliza avançadas imagens para analisar mais de 40.000 conjuntos de dados, incluindo, além de imagens, também textos.

O centro de pesquisas pretende analisar imagens de lesões dermatológicas para ajudar identificar padrões clínicos específicos nas fases iniciais de melanoma. A pesquisa australiana visa ajudar a reduzir biópsias desnecessárias e ajudar os clínicos com mais precisão, a compreender o câncer da pele.

As estatísticas atuais indicam que dois em cada três australianos serão diagnosticados com câncer da pele antes da idade de 70 anos, sendo que entre 95 a 99 por cento de todos os cânceres de pele são previsíveis. O diagnóstico precoce do melanoma de pele é fundamental para aumentar as taxas de sobrevivência.De acordo com estatísticas de câncer da Austrália, alguém morre por causa de melanoma a cada seis horas.

O Melanoma Institute Australia opera o maior centro de pesquisa e tratamento de melanoma e controla o maior banco de dados de pesquisa sobre a doença no mundo.

Patrocínio Silver

Parceiros Institucionais

Realização