News

Integração de tecnologia em áreas da saúde se espalha pelo mundo

A Axismed, braço da Telefónica na área da saúde, apresentou nesta segunda-feira, 21, vários programas de adoção de tecnologia na área da saúde para aumentar a eficiência dos serviços. Em palestra no Fórum Saúde Digital, promovido pela TI Inside, o CEO da companhia, Cesar Rodriguez Dominguez, apesara de não revelar nomes dos clientes que a empresa contabiliza ao redor do mundo, disse que os resultados são expressivos.

No gerenciamento de saúde, por exemplo, Dominguez citou que um cliente da Axismed monitorou 1.943 vidas durante 84 meses e gerou economia bruta de R$ 63 milhões, após investimento de R$ 16 milhões. “A economia líquida foi de R$ 47 milhões”, calculou.

Uma central clínica 24 horas instalada na Europa permitiu identificar que em 2809 ligações analisadas apenas 1% da conduta não foi seguida; 21% de casos foram direcionados a prontos socorros; 7% dos casos tinham necessidade de internação; e 12% dos casos foram revertidos com envio de ambulâncias.

Dominguez defende que as plataformas de analytics são o primeiro passo na mudança estrutural do gerenciamento de saúde. “Depois temos que usar sistemas de redes neurais para entender o comportamento das pessoas e integrar os parceiros”, recomenda. “O problema não está no desenvolvimento do app (que pode ser feito em 3 semanas) e sim na identificação do que se quer monitorar”, reitera.

A indicação do executivo é que as empresas de saúde adotem as tecnologias que já estão disponíveis no mercado. “O resultado é o ganho de eficiência, a melhora da rentabilidade do setor; do atendimento ao paciente; e do engajamento das pessoas na sua saúde”, reforça, dizendo que a saúde digital permite a mensuração de resultados clínicos, de forma robusta, favorecendo a melhoria contínua do sistema.