News

Medicina Direta faz parceria com InforMED e disponibiliza plataforma de conteúdo clínico

Se há uma área em que o profissional deve se atualizar constantemente é na saúde. Os médicos devem estar atentos às novidades, tendências e conhecimentos que surgem todos os anos. Para isso, ter essa informação disponível a um clique de distância no prontuário eletrônico pode ser um diferencial e tanto em seu trabalho.

Pensando nisso, a Medicina Direta, empresa especializada em gestão e serviços digitais para clínicas e consultórios, fez uma parceria com o InforMED, plataforma da editora Manole totalmente em português que disponibiliza informações sobre interações medicamentosas, artigos, publicações e até aulas em vídeo aos usuários.

O recurso está disponível a todos os usuários do prontuário eletrônico da Medicina Direta desde 2 de outubro de 2019. O objetivo é auxiliar médicos e demais profissionais a realizarem atendimentos com mais rapidez e qualidade, oferecendo uma fonte de informação confiável, segura e acessível no próprio sistema da empresa.

“O prontuário eletrônico tem que ser mais do que um repositório de dados. Estamos trabalhando para que seja possível cruzar as informações clínicas do paciente com o conteúdo do InforMED. Assim, podemos auxiliar ainda mais os profissionais de saúde”, explica Tiago Delgado, sócio-fundador da Medicina Direta.

O acesso dos usuários à plataforma de conteúdo é bem simples e feito no próprio prontuário eletrônico. Ao realizar o login no sistema da Medicina Direta, o médico automaticamente tem acesso a todos os conteúdos da parceira disponível no menu superior da tela inicial.

O InforMED é uma plataforma de busca de conteúdo médico 100% em português e com curadoria dos maiores profissionais da área na América Latina. Com ele, o médico consegue se atualizar, otimizar suas habilidades clínicas, tomar decisões, estudar e estar em dia com tudo o que há de novo na saúde.

Conseguir acessar diferentes fontes de informação na web otimiza e melhora o atendimento ao paciente. Pesquisa da TIC Saúde 2018, realizada pelo Cetic.br (Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação), mostra que quatro em cada dez médicos brasileiros reduziram a carga de trabalho com o uso de computador e acesso à Internet durante as consultas.